segunda-feira, 3 de julho de 2017

Roubo em Tancos - Oficiais vão protestar depondo espadas


O protesto contra a demissão de cinco comandantes, na sequência do roubo de armas em Tancos, foi convocado por email e está marcado para quarta-feira, às 11h30, em Belém.

Os oficiais do Exército estão a ser convocados a depor as suas espadas à porta da Presidência da República, em sinal de protesto pela demissão de cinco comandantes na sequência do roubo em Tancos. A notícia está a ser avançada pelo Expresso, que adianta que a convocatória, marcada para quarta-feira às 11h30, está a ser feita por email.
Este protesto tem por objetivo pedir a exoneração do chefe do Estado-Maior do Exército (CEME), Rovisco Duarte, e do chefe do Estado-Maior General das Forças Armadas, Pina Monteiro e protestar contra a demissão temporária de cinco comandantes. A intenção é “demonstrar a indignação, através da entrega da espada, símbolo do comando de oficiais, pela exoneração e humilhação pública, familiar, social a que foram sujeitos os nossos camaradas” e “pedir a recondução dos coronéis exonerados no comando das unidades e um pedido formal de desculpas pela Instituição aos seus familiares e camaradas de armas”, refere o email, citado pelo Expresso.

Sem comentários:

Enviar um comentário