quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

FALECEU JOAQUIM BARROS FERREIRA


                Faleceu no dia 17 de Janeiro de 2017 o escritor vila-realense, Dr. Joaquim Barros Ferreira. Tinha 76 anos de idade. Foi professor de História do Ensino Secundário, tendo terminado a sua carreira na Escola Secundária Camilo Castelo Branco, de Vila Real.
                A sua obra literária é constituída sobretudo por poesia, embora a última publicação seja um livro de contos, Histórias transmontanas (2013). Estreou-se com Vilegiatura de dia (1961), sob o pseudónimo de José Magem, que utilizaria ainda em Algas e Deuses (1965), n.º 6 da Colecção Setentrião. Seguiram-se Coração da terra (1997), O ser da terra e da língua (2000), Rosa in flumina (2005), Jardins suspensos (2006), Terra adagio cantabile (2006) e Mil vozes em conserto (2009). A este último título foi atribuído o Prémio Nacional de Poesia Fernão de Magalhães Gonçalves.
                Joaquim Barros Ferreira publicou também diversos artigos e obras no campo da investigação histórica e sociológica.
    CÂMARA MUNICIPAL DE VILA REALGrémio Literário Vila-Realense


Sem comentários:

Enviar um comentário