quarta-feira, 3 de setembro de 2014

Exército Iraquiano reconquista auto estrada de Kirkük-Baghdad




Depois da salvação de milhares da minoria Yazidi pelas forças curdas e americanas, o ISIS massacrou umas centenas de iraquianos minoritários; depois da reconquista da barragem de Mosul, no norte do Iraque, pelos Peshmerga do Curdistão Iraquiano,  essa organização tenebrosa, decapitou um jornalista americano; depois da reconquista de Amerli, cidade que esteve cercada durante dois meses, e que resistiu com a heroicidade dos seus habitantes, o ISIS decapitou outro jornalista americano.
Esta organização vai muito para lá do terrorismo clássico. O mundo, finalmente, começou a perceber. Politicamente pretendem atacar o Ocidente (ao qual pertence a América), sobretudo a Europa; idiologicamente adoptam uma solução final para os considerados infiéis e apóstatas (e nela incluem os hipócritas).
Ontem, o exército iraquiano reconquistou a auto-estrada que vai de Kirkük a Baghdad, bem como duas pequenas cidade nas imediações de Amerli.
O ISIS, em linguajar popular, começou "a levar no canastro!".




Sem comentários:

Enviar um comentário