domingo, 13 de maio de 2018

Treze de maio

Treze de maio



Fátima grande!
Aqui venho, com carinho!
O meu coração se expande
E te peço: Ilumina o meu caminho
Pelos caminhos do mundo,
Com o teu amor de Mãe, profundo!

És também minha irmã,
Minha irmã na fé,
Que no horizonte de cada manhã
Te encontro, menina de Nazaré,
E te segredo uma oração; depois,
Juntos, caminhamos os dois!

E, contigo, peregrino,
Quase despreocupado,
Cantando o mais belo hino,
Porque estás a meu lado,
Exulto no meu Rei e Senhor,
E canto o Magnificat de louvor!

Inspiras minha oração!
Em mim, profunda alegria,
Notas da mais bela canção,
Ritmo da mais bela melodia
Que hoje, a cada hora,
Te digo, de Fátima, Senhora!

Que este é também o teu mês!
Vieste lá dos céus, mãe querida.
E, na tua menagem, cada vez,
O teu pedido nos aponta a vida.
Bendita Mãe, envolta em luz,
Nos guias à VIDA, teu filho, Jesus!

Teófilo
San Martino a Monte, 13 de Maio de 2016.

Sem comentários:

Enviar um comentário