terça-feira, 16 de maio de 2017

49 - Antologia CTMAD - Jorge Vale

MAÇORES - MONCORVO
 
Jorge Abreu Vale, Luanda (1968), transmontano-duriense de Maçores. Fez carreira nas Forças Armadas (Logística e Comunicações). Licenciado em Conservação e Restauro (IPT) e em Solicitadora (IPL). Cedo se começou a interessar pela Fotografia. Tem trabalhos publicados em diversos livros e periódicos, destacando: “Introdução”, in Rostos Transmontanos, de P. Patoleia, coord. C.d'Abreu e A. Lopes, Lema d’Origem Editora, 2014; autor da fotografia de capa e contra-capa e participação artística através da publicação de diversas fotos, in A Linha do Vale do Sabor, Um Caminho-de-Ferro Raiano do Pocinho a Zamora, coord. C. d'Abreu, Lema d'Origem, 2015; expo. fotográfica Ponte do Pocinho, 34 anos de abandono, 34 fotografias, realizada no âmbito do PAN XIII – Festival Transfronterizo de Poesía, Patrimonio y Arte de Vanguarda, Morille (Salamanca), 2015, com um périplo por diversas localidades transmontano-durienses, inclusive na CTMAD de Lisboa; “Apresentação” (e edição de imagem), in Retratos da Gente e Poética do Instante (do Concelho e Vila Nova de Foz Côa), fotografias de P. Patoleia, coord. C. d’Abreu, Lema d’Origem, 2016; é ainda autor da fotografia de capa do livro desencantos e (alguns) gritos, poemário de C.d'Abreu, Lema d'Origem, 2017.


Sem comentários:

Enviar um comentário