domingo, 29 de janeiro de 2017

Protejam o Presidente


Desde que tomou posse o Presidente da República sabia que o país caminhava para o precipício. Com os dados económicos dados à estampa nesta última semana (com o défice em baixa, mas os juros da divida a 10 anos a subir de forma desmesurada) sabe que estamos a centímetros do abismo como em 2011. Mas não tem alternativa com a solução politica encontrada (por alguns – os do costume) em Outubro de 2015.
Os responsáveis por esta governança vão ser chamados à liça; os que “governam”, os que os apoiam e os que deles se servem. Desta vez não se “safam”. Nem aqueles, cujo alarde televisivo perturba os tímpanos do vulgo, nem os escribas do regime.
Por essa razão, protejam o Presidente; Portugal vai precisar de um presidente fortalecido, porque aqueles que hoje o apoiam, serão os mesmos que o apuparão. 

Sem comentários:

Enviar um comentário