domingo, 22 de maio de 2016

BOLO-CENTEIO


Virgílio Gomes
Há memórias de infância que se mantêm e que, por vezes, nos fazem ter vontade de recuar no tempo. E parece que os elementos mais simples se revestem de uma importância que, naquele tempo, não tinham. Faziam parte do nosso quotidiano e eram satisfeitos de forma fácil por pedidos ou por sabermos da sua presença em festividades ou acontecimentos precisos. Este bolo também é conhecido por bolo escuro, bolo mulato ou bolo preto.
Hoje vou dar-vos uma receita do caderno de minha Mãe. Trata-se de um bolo simples, cozido em forma de tabuleiro. Posso dizer que seria um bolo de resistência pois sempre que havia festas marcava presença e muitas vezes fazia-se pelo hábito de haver sempre um bolo para comer.

Receita fácil para ter sempre um bolo em casa:
http://www.virgiliogomes.com/index.php/cronicas/763-bolo-centeio

Sem comentários:

Enviar um comentário