sábado, 24 de outubro de 2015

Adivinha-se nova bancarrota


Aqueles que apoiaram José Sócrates na conquista do poder, levando o país à bancarrota, são os mesmos que apoiaram a deriva revolucionária (tipo PREC) de António Costa, conduzindo-nos ao sarilho em que estamos metidos.
Passos Coelho e Paulo Portas não são ingénuos e se se concretizarem as moções de rejeição, recusar-se-ão a serem fritados em lume brando. E não ficarão a limpar a porcaria da canalha.
Dificilmente as esquerdas acordarão para um programa de governo a quatro anos. Possivelmente Costa alcançará o lugar que tanto anseia, devido à ganância desmedida. Mas cairá em Junho que vem. E o país também. Desta vez os culpados da recente bancarrota não ficarão impunes por provocarem uma segunda.
Armando Palavras

Sem comentários:

Enviar um comentário