sábado, 26 de janeiro de 2013

Moncorvo- projecto da MTI



Realizou-se ontem, dia 23/01/2013, no auditório da ACIM (Associação de Comerciantes e Industriais de Moncorvo), a sessão pública de apresentação do projecto mineiro da MTI (Mining Technology Investments), para uma fase de exploração experimental conforme foi concessionado pelo governo em Novembro de 2012. O auditório foi pequeno para conter tantas pessoas, entre técnicos, jornalistas e população em geral, acabando a organização por instalar colunas de som no exterior para todos pudessem acompanhar o que se dizia na sala.

Abriu a sessão o Presidente da Câmara de Moncorvo, Engº. Aires Ferreira, que se congratulou pela maior abertura demonstrada pela nova administração da empresa MTI, no que toca a uma maior abertura em relação às entidades e população local. Tendo feito um breve historial das questões relacionadas com a actividade mineira, paralizada há cerca de 30 anos, após o encerramento da Ferrominas, afirmou que sempre o município por si liderado tinha feito do tema do Ferro uma espécie de ex-libris, apostando no Museu do Ferro, e chegando a criar o slogan: "Moncorvo, onde o ferro é a alma da terra", estampado em autocarros e camisolas de jogadores do Grupo Desportivo local. Evocando a luta pela construção da barragem do Baixo Sabor, acabou por dizer que também aqui seriam de esperar muitas dificuldades pelo caminho, até uma exploração efectivaque haveria que se lutar por isso, já que "estas coisas não nos caem do céu".

Fonte:  TORRE.moncorvo 

Sem comentários:

Enviar um comentário