terça-feira, 11 de setembro de 2018

DE REGRESSO AO PONTO DE PARTIDA



Por: Costa Pereira Portugal, minha terra

Era doce, mas acabou-se. Foram mais de trinta dias que gozei na capital do barro leiriense nestas férias de Verão de 2018. Já me não recordo de coisa assim tão prolongada. Mas foram bons e agradáveis estes maravilhosos dias, desde fins de Julho até inícios de Setembro. Além das tradicionais festas de Santo Aleixo, destacou-se o quinquagésimo aniversário sacerdotal do Sr. Padre Abel que no dia 15 de Agosto, ocorreu, e que pomposamente foi festejado com almoço na Perola do Fetal – Batalha. Ainda no dia 24 de Agosto vim a Lisboa tomar parte noutro aniversário, o meu netinho que nesse dia fez cinco anos.


Depois voltei e fui dar um passeio até à Pia do Urso, com visita às Grutas de Mira de Aire, e Fátima; como não chegasse, também no dia 3, já de Setembro, desloquei-me a Leiria para almoçar na Maria dos Prazeres, e na Livraria Boa Leitura adquirir um livro para o meu o Álvaro se iniciar nos sarrabiscos com lápis ou aguarela. Umas férias em beleza, que pecaram por cheirar a pouco e algum descuido nos normativos…E mais um ano ficou por visitar terras de Basto, a minha região de eleição e de naturalidade. Vamos a retificar o que não foi possível fazer melhor, que vem aí o Outono.

Sem comentários:

Enviar um comentário