quinta-feira, 13 de setembro de 2018

" Cidades Inteligentes" (conferência organizada pela Confraria do Pote e da Amizade)




III Mini Capítulo da Confraria do Pote e da Amizade

Conferência "Cidades Inteligentes"

Oradores:

1. Senhor Ministro do Ambiente, Engenheiro João Pedro Matos Fernandes

2.  Vitor Pereira:
“Construir Cidades Inteligentes”
“ Em 2014 foi nomeado embaixador em Portugal, do concurso mundial Young Innovators Competition, promovido pela ITU, principal agência das Nações Unidas para as Novas Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC).
Desde 2014, é diretor do evento internacional SMART TRAVEL.
Representante em Portugal do Smart City Business Institute criado em 2014 e lançado publicamente já em 2015 em Barcelona.
Foi Diretor da Revista Smart Cities Portugal até 2017.
Director/Cofundador do Evento Internacional ZOOM SMART CITIES
Cofundador e Chair do evento internacional SMART FUNCHAL
Fundador da Smart City Lisbon – Rede de Stakeholders para a Região de Lisboa
Europe Business Developer e VP para um novo Tao (caminho) para Smart Cities baseadas na filosofia chinesa ancestral: OU YA DAO (Europe/China Path) conectando negócios, investidores, investigação e cidades através de valores humanos.
Foi distinguido com o prémio Personalidade Smart Cities Live 2015, atribuído, pela primeira vez, no âmbito da Green Business Week, uma iniciativa da Fundação AIP, com o intuito de “distinguir a personalidade que durante o ano de 2014 mais contribuiu para a divulgação e desenvolvimento dos territórios e cidades de Portugal e dos seus projetos no âmbito da sustentabilidade e inteligência”.
3. Professor Nuno Vasco Lopes:   
 “O papel do cidadão nas cidades inteligentes”
“Investigador na Unidade Operacional da Universidade das Nações Unidas sobre Governação Electrónica (UNU-EGOV). É pós-doutorado em Ciências da Computação pela Universidade de Coimbra (2013-2014) e pós-doutorado em Governação Electrónica pela Universidade das Nações Unidas (2015-2017). Na Universidade das Nações Unidas, ele é o coordenador da investigação em Cidades Inteligentes.
Durante sua vida profissional, ele esteve envolvido em vários projetos nacionais, europeus e internacionais, como a Governança Eletrônica para Prestação de Serviços Públicos Específicos ao Contexto, Manual de Políticas da Sociedade do Conhecimento, Monitoramento de Políticas em Tecnologia Digital para Educação Inclusiva, Computação Inteligente para Internet e Serviços, Internet das Coisas para Pessoas com Deficiência, Defesa Inteligente e Cidades Inteligentes para o Desenvolvimento Sustentável.
É editor-chefe da EAI Transaction on Smart Cities desde 2018, editor do livro Springer sobre “Governança Inteligente para Cidades: Perspectivas e Experiências” e, em conjunto com Rehema Baguma, Editor do livro IGI Global sobre “Desenvolvimento Sociedades do conhecimento para contextos nacionais distintos ”. É co-autor do Relatório da ONU sobre Cidades Inteligentes Sustentáveis para Países em Desenvolvimento e do Manual da UNESCO sobre Sociedades do Conhecimento.”

Sem comentários:

Enviar um comentário